sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Pó Compacto - A verdade sobre "Hoje apliquei só um pozinho!"

Olá a todos :)
No ia 16 de Dezembro tive o privilégio de assistir a uma aula de Maquilhagem da Gosh, na Well's do Coimbra Shopping (obrigada minha S.).
Nessa aula, falaram-se de muitas coisas que já sabia (fiquei toda orgulhosa, acho que já sei mesmo umas coisas :P), mas, como é óbvio, também aprendi, e não foi pouco.
O que aprendi que me mais me surpreendeu e que revolucionou completamente a minha forma de ver essa questão foi o facto de o pó compacto ser, unica e exclusivamente, para usar depois de aplicada a base e não em vez de a aplicar!
Não é nem era meu hábito usar o pó compacto em vez da base e sair à rua e dizer


Hoje apliquei só um pozinho!

No entanto, tenho muitas amigas que o fazem. Certamente porque nunca ouviram o que eu ouvi na bendita aula de maquilhagem.
Deixo já bem claro que, com este post, não me quero aqui armar aos cucos e dizer que sei mais do que a, b ou c.
Se se sentirem bem em fazer o contrário do que eu vou aqui explicar, continuem, pois não há regras na maquillhagem. No entanto, eu gostei de aprender isto e quis vir aqui partilhar convosco! :)
Bem, o que a maquilhadora Rute explicou, foi que o pó compacto sozinho não tem, absolutamente, efeito nenhum. No entanto, quando aplicado depois da base, seja lá ela em que formato for, vai matificar o rosto e "segurá-la", evitando manchas e prolongando o seu efeito.
E aqui quero esclarecer que nem tudo o que é pó, é pó compacto, pois também existem bases em pó, pó iluminador, bronzeador, etc.
Para começar, o pó compacto varia de marca para marca, e pode apresentar-se sob vários nomes, mattifing powder, pressed powder, pó translúcido, etc., mas são todos para o mesmo.
Quanto aos tons deste produto, há marcas que apresentam-no sem tonalidade, o que faz todo o sentido, já que a sua finalidade não é dar cobertura, e há outras que têm várias tonalidades do produto. Se usarem uma marca que o apresente da segunda maneira, devem escolher o tom da vossa pele, nem mais claro nem mais escuro.

O pó compacto deve ser aplicado depois de aplicada a vossa base e, de preferência, com um pincel próprio para o efeito, o kabuki é uma excelente escolha.
Mas isto já é um pouco preferência pessoal... A maioria dos pós compactos, vêm com um disco, tipo esponja, que também o aplica muito bem, eu é que prefiro um pincel.

O efeito que este produto confere é uma pele perfeita, de porcelana, sem imperfeições e muito uniforme.

O pó compacto não é, a meu ver, um produto muito necessário.
Tudo vai depender de como encaram a maquilhagem, que maquilhagem usam e para quê.
Eu gosto de, quando saio à noite, caprichar bem na maquilhagem, e como nos bares e discotecas acabamos sempre por estar sujeitos a algum calor e humidade, acho que o pó compacto se torna um aliado meu.

Espero que tenham gostado e que tenha esclarecido algumas dúvidas! :)

3 comentários:

  1. Babe o teu post foi-me muito util! :) Tb és de coimbra?! :D Que fixe!! Comprei o 1º po compacto da minha vidinha na semana passada! Ainda tou à espera do pincel! Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito contente por te ter ajudado com este post, Joana! :)
      Estudo em Coimbra, por isso sim, é praticamente como se fosse de lá! :P
      Olha, quanto ao pincel, tenho um kabuki simplessissimo que comprei no hipermercado Jumbo e gosto mesmo muito dele! Custou-me para aí 3€... :)
      Beijinho *

      Eliminar
  2. Informação muito interessante! Obrigada por partilhares! :)
    Bjinhos****

    ResponderEliminar

Obrigada por tomares esta Chávena de Charme!
Os comentários serão respondidos assim que possível, no mesmo post!